Como As Mídias sociais Conseguem Ser Utilizadas Por Sua

01 Mar 2019 01:20
Tags

Back to list of posts

<h1> ‘Repensar’ Reuniu Profissionais E Estudantes Pra Falar O Novo Modelo De Comunica&ccedil;&atilde;o Na Amaz&ocirc;nia % No 1&ordm; Trimestre</h1>

<p>Evento ordenado pelo Grupo Rede Amaz&ocirc;nica de Comunica&ccedil;&atilde;o ocorreu pela quinta-feira (29), no audit&oacute;rio do Senac, em Macap&aacute;. 3 palestras abriram a primeira edi&ccedil;&atilde;o do projeto no Amap&aacute;. Para falar a nova forma de fazer intercomunica&ccedil;&atilde;o na regi&atilde;o Norte, o Projeto Repensar, ajeitado na Rede Amaz&ocirc;nica e praticado na quinta-feira (28), no audit&oacute;rio do Senac, em Macap&aacute;, reuniu jornalistas, publicit&aacute;rios e estudantes das &aacute;reas. A integra&ccedil;&atilde;o entre as plataformas foi o cen&aacute;rio repercutidos nas 3 palestras do evento.</p>

<p>Esse modelo de imediato &eacute; realidade pela Rede Amaz&ocirc;nica no Amap&aacute;, onde r&aacute;dio, Televis&atilde;o e internet interagem pra melhor informar a na&ccedil;&atilde;o, cada uma usando a linguagem espec&iacute;fica do canal. Como Usar As M&iacute;dias sociais Pra Fazer P&oacute;s-venda E Engajar Seus Consumidores primeira edi&ccedil;&atilde;o do Pensar foi aberta pelo CEO do Grupo Rede Amaz&ocirc;nica de Comunica&ccedil;&atilde;o (Gram), Phelippe Daou J&uacute;nior. Pra ele, a pr&aacute;tica da intercomunica&ccedil;&atilde;o necessita de que a comunidade seja efetivamente ouvida.</p>

<ol>
<li>A imagem de sua Como A Procura Pode Auxiliar Tua Marca Nas Redes sociais? </li>
<li>seis Efeitos de Rede Negativos</li>
<li>Observe a promessa de investir em an&uacute;ncios</li>
<li>Como posso fazer com que o meu p&uacute;blico conhe&ccedil;a sobre isto meu servi&ccedil;o ou produto</li>
<li>Energia e tuas formas</li>
<li>Inclua as redes sociais na sua estrat&eacute;gia de IM</li>
<li>Sean Parker zoom_out_map</li>
<li>Date: Vinte e sete de julho de 2013</li>
</ol>

<p>“O objetivo &eacute; botar temas em pauta e fazer com que as pessoas pensem sobre a sua realidade e, com isso, a gente pretende socorrer a modificar as hist&oacute;rias dos estados e das comunidades onde estamos presentes”, explicou. Na primeira palestrante da noite, o professor-doutor em comunica&ccedil;&atilde;o, Carlos Alberto Di Franco, abordou a tem&aacute;tica “Novas Pautas da Comunica&ccedil;&atilde;o”, com destaque para as fakenews. A Forma&ccedil;&atilde;o E Foi Desse modo , s&oacute; o prazeroso jornalismo, podes combater este fen&ocirc;meno que adquiriu ainda mais for&ccedil;a com o surgimento das redes sociais.</p>

<p>“N&oacute;s combatemos os facknews com jornalismo de peculiaridade, o que demanda as perguntas b&aacute;sicas: o que? Se respondo essas 4 d&uacute;vidas, estou respondendo as principais demandas que o leitor, o telespectador, o ouvinte, o internauta quer saber. &Eacute; por a&iacute; o caminho: boa an&aacute;lise, particularidade na informa&ccedil;&atilde;o e coragem para narrar a verdade”, frisou.</p>

<p>Logo em seguida, foi a vez do gerente de jornalismo da Rede Amaz&ocirc;nica no Amap&aacute;, Elizandro Oliveira, falar sobre isto os desafios que envolvem o procedimento de integra&ccedil;&atilde;o dos ve&iacute;culos de intercomunica&ccedil;&atilde;o por meio das novas tecnologias, especialmente a web. Para Oliveira, o Analisar plantou uma semente que tende a expandir. “A semente foi lan&ccedil;ada. O prop&oacute;sito, como diz o nome do evento, &eacute; pensar, gerar nas pessoas uma reflex&atilde;o, fazer com que revejam processos, olhem pro futuro e vejam coisas que est&atilde;o acontecendo ao nosso redor e v&aacute;rias vezes n&atilde;o nos damos conta. A maneira de consumir informa&ccedil;&atilde;o mudou e a gente deve mudar de acordo”, pontuou o gerente.</p>

[[image http://www.socialmediaexaminer.com/wp-content/uploads/2016/12/sb-social-media-influencers-1200.png&quot;/&gt;

<p>Na &uacute;ltima palestra da noite, o gerente de intercomunica&ccedil;&atilde;o do Gram, Luiz Eduardo Leal, destacou a seriedade do exerc&iacute;cio de outras estrat&eacute;gias pelos profissionais de marketing, para tornar a publicidade mais eficiente num universo ainda mais digital. Na plateia, o estudante do 7&ordm; ano de jornalismo, Nathan Oliveira, de 21 anos, disse que valeu a pena ter participado. “Eu prontamente estagiei na &aacute;rea do marketing digital, e com certeza a palestra veio engrandecer bem mais meus conhecimentos em liga&ccedil;&atilde;o a &aacute;rea.</p>

<p>A nossa regi&atilde;o &eacute; riqu&iacute;ssima, por&eacute;m a comunica&ccedil;&atilde;o &eacute; de fato algo que ainda deixa a almejar. Todavia, com o tempo, a gente vai se adequando e se adaptando &agrave;s novas tecnologias”, declarou. Com mais de dez anos de experi&ecirc;ncia na &aacute;rea, a jornalista Ana Girlene Oliveira conversou que a iniciativa de sugerir dialogar a respeito de t&oacute;picos importantes, atuais e emblem&aacute;ticos &eacute; a rota certo para se repensar a respeito da maneira de comunicar.</p>

<p>“N&oacute;s estamos vivendo essa transforma&ccedil;&atilde;o. Jaques O. Carvalho do nome do evento foi ideal. &Eacute; primordial pensar o fazer jornal&iacute;stico, repensar essa era da intercomunica&ccedil;&atilde;o e em como n&oacute;s, profissionais, nessa responsabilidade de gera&ccedil;&atilde;o de conte&uacute;do, devemos nos enquadrar por este meio definitivamente digital e doar o melhor produto para a sociedade”, terminou. O Projeto Repensar ter&aacute; novas edi&ccedil;&otilde;es, com algumas tem&aacute;ticas e din&acirc;micas para argumentar a comunica&ccedil;&atilde;o pela Amaz&ocirc;nia e na regi&atilde;o Norte, e achar maneiras de aproximar ainda mais a popula&ccedil;&atilde;o do fazer jornal&iacute;stico. No fim de contas, saber escutar, ouvir, contar de forma clara e acess&iacute;vel, e transformar, s&atilde;o prim&iacute;cias do jornalismo ideal no qual a Rede Amaz&ocirc;nica acredita. ] somos os vetores disso”, encerrou o CEO Phelippe Daou J&uacute;nior. As quatrorze Melhores Ferramentas Para Descobrir Uma Vaga De Est&aacute;gio alguma not&iacute;cia para falar sobre este tema? Envie pro T&ocirc; Pela Rede!</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License